NR13 Revisada e Ampliada

Para quem não sabe, a NR13 foi revisada recentemente, passando por importantes mudanças na execução de planos na área de inspeção em tubulações e em elaborações gerais. A inclusão do item “tubulação” nas normas, além dos vasos de pressão que já existia, é uma das novidades do texto atual da NR13, alterado pela Portaria MTE nº 594, de 28 de abril de 2014, publicada em 2 de maio no Diário Oficial da União.
Dentro dessas alterações, foram realizadas diversas correções também na intenção de deixar essas normas mais elegíveis e acessíveis pelas empresas em seu cumprimento com a Lei. A respeito disso, vale lembrar que no ano de 1994 já tinha sido realizada uma revisão com conceitos inovadores na época, os quais foram inseridos para uma melhor leitura e compreensão significativa do texto.
A revisão recente foi implantada devido à um acidente grave ocorrido no mês de fevereiro do ano de 2014, envolvendo um trabalhador que perdeu a vida numa caldeira, durante o expediente de trabalho realizado em uma fazenda produtora de alimentos de leite e derivados, na cidade de Amparo, interior do Estado de São Paulo. O trabalhador não resistiu aos ferimentos causados pela explosão da caldeira e veio a falecer no exato momento do acidente, por queimaduras de terceiro grau nos braços e nas costas, além de traumatismo craniano pela queda que se deu pelo impacto forte da explosão. Houve uma segunda vítima no momento, mas esta, não foi fatal e seguiu para o hospital para tratar de ferimentos leves.
Este é apenas um de muitos relatos de acidentes ocorridos com caldeiras em indústrias que não seguiam as normas na NR13 ou que não tinham os equipamentos necessários para o trabalho em caldeiras, o que pode ocasionar em acidentes gravíssimos.
Incêndios e explosões estão entre os acidentes mais comuns quando se fala de ambientes que precisam deste tipo de sistema para gerar energia – e a maioria desses acidentes são sempre fatais, com muitos mortos ou feridos.
Trabalhadores geralmente ficam muito expostos quando atuam em caldeiras e vasos de pressão e tubulação em geral, ficando vulneráveis á temperaturas elétricas, choques, quedas, etc. E é por esses e outros motivos que as normas da NR13 sofreram mudanças – para o bem estar destes trabalhadores. Alguns dos setores mais envolvidos nessas mudanças das normas estão as indústrias de óleo, gás, alimentícia, álcool, farmacêutica, química, petroquímica e açucareira. Todas estas indústrias foram as mais impactadas pelas mudanças das normas, por ter um maior acervo de equipamentos de segurança e ativos em geral.
De acordo com Roque Puiatti, coordenador da Comissão Nacional Tripartite Temática (CNTT) e responsável pela nova redação, ao aderir o provimento das novas normas, a comissão pensou primordialmente nas demandas da comunidade técnica, das normas de segurança do trabalho e das entidades de inspeções em geral.
Por fim, devemos destacar como sempre, a importância de se fazer um curso na área de caldeiras e vasos de pressão para o trabalho seguro com equipamentos necessário para um maior aproveitamento em áreas de risco. Clique aqui para obter mais informações.

Laudos NR13 Vasos e Caldeiras © 2016. Todos os direitos reservados.

Termos de Uso e Política de Privacidade E-mail: mundialcurso@gmail.com  |  contato@mundialcursos.com.br Telefones:(19)3387-0794-Claro:(19)99322-8384-Tim:(19)98133-4463